Marcelo vai visitar famílias das vítimas da tragédia de Lamego

Presidente da República manifestou-se solidário

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, manifestou-se hoje solidário com os familiares das vítimas da explosão numa fábrica de pirotecnia em Avões, Lamego e expressou "sentidas condolências".

"O Presidente da República dirige as suas mais sentidas condolências a todos os familiares e amigos das vítimas da explosão que ocorreu, hoje, num paiol de uma fábrica de pirotecnia em Avões, no concelho de Lamego", lê-se numa nota publicada na página da Presidência da República.

A mesma nota indica que Marcelo Rebelo de Sousa irá deslocar-se quarta-feira ao local da explosão, no norte do distrito de Viseu.

Quatro pessoas morreram hoje na sequência de várias explosões numa fábrica de pirotecnia e quatro outras estão desaparecidas, segundo fonte da Câmara de Lamego, que considerou a esperança de encontrar com vida os desaparecidos "é muito diminuta".

A Polícia Judiciária foi chamada a investigar as várias explosões. O alerta para as autoridades foi dado às 17:48.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG