Viajar um mês para saltar de um icebergue

Era capaz? Foi o que fez o mergulhador veterano da Red Bull Orlando Duque. O colombiano que venceu o primeiro Cliff Diving, em 2009, viajou 31 dias para mergulhar do alto de um iceberg. E por uma causa nobre

Aos 43 anos, Orlando Duque é o mais experiente e cotado atleta de saltos para a água de grande altura do planeta. Paralelamente à carreira desportiva, que soma já mais de 30 anos de sucessos - incluindo a vitória da etapa açoriana do Red Bull Cliff Diving - o colombiano tem percorrido os cinco continentes vestindo a pele de embaixador da modalidade.

A última aventura deste veterano levou-o a participar numa expedição científica promovida pela Marinha de Guerra da Colômbia. Sensível à questão das alterações climáticas, Duque aproveitou esta oportunidade para fazer um arriscado salto para as águas geladas do Antártida!

Esta viagem de dez mil quilómetros culminou com um salto a partir de um iceberg gigante, com Duque a voar baixinho a partir de 20 metros de altura em direção às temperaturas negativas do Polo Sul. "A paisagem neste local é majestosa! O salto foi um grande desafio, sobretudo devido à instabilidade do gelo, mas felizmente tudo correu bem", explicou o aventureiro, que aproveitou para deixar um alerta: "É essencial reduzir o consumo de petróleo e plástico para preservar lugares como a Antártica".