Uma daquelas ilusões de dar a volta à cabeça

Professor japonês ficou em segundo lugar num concurso de ilusão de ótica com cilindros que são prismas, ou os prismas que são cilindros quando vistos ao espelho. Veja o vídeo

Já se sabe que de quando em vez lá surge um vídeo ou uma fotografia que deixa muita gente de boca aberta e que, naturalmente, gera longas discussões na internet. Agora há mais um vídeo para juntar à lista daqueles que nos deixa pasmados.

Afinal são cilindros ou prismas retangulares? É esta a questão que fica ao ver-se a ilusão de ótica criada por um professor de engenharia japonês, que lhe valeu o segundo prémio no concurso de Melhor Ilusão do ano, por uma organização que promove a investigação científica da forma como os neurónios relacionam perceção e cognição, a Neural Correlate Society.

Kokichi Sugihar foi o autor da ilusão que nos mostra como prismas ficam redondos quando vistos no espelho e que quando é ao contrário, os cilindros são prismas no espelho... O melhor é ver o vídeo.

No fundo é tudo uma questão de perceção, pois a ilusão apelidada de "cilindros ambíguos" funciona dependendo do ângulo em que ela é vista.

E não é a primeira vez que Sugihar surpreende na internet com uma ilusão do género.

Veja todos os finalistas deste concurso no site oficial

Ler mais

Exclusivos

Adolfo Mesquita Nunes

Premium Derrotar Le Pen

Marine Le Pen não cativou mais de dez milhões de franceses, nem alguns milhões mais pela Europa fora, por ter sido estrela de conferências ou por ser visita das elites intelectuais, sociais ou económicas. Pelo contrário, Le Pen seduz milhões de pessoas por ter sido excluída desse mundo: é nesse pressuposto, com essa medalha, que consegue chegar a todos aqueles que, na sequência de uma crise internacional e na vertigem de uma nova economia digital, se sentem excluídos, a ficar para trás, sem oportunidades.

Adolfo Mesquita Nunes

Premium Derrotar Le Pen

Marine Le Pen não cativou mais de dez milhões de franceses, nem alguns milhões mais pela Europa fora, por ter sido estrela de conferências ou por ser visita das elites intelectuais, sociais ou económicas. Pelo contrário, Le Pen seduz milhões de pessoas por ter sido excluída desse mundo: é nesse pressuposto, com essa medalha, que consegue chegar a todos aqueles que, na sequência de uma crise internacional e na vertigem de uma nova economia digital, se sentem excluídos, a ficar para trás, sem oportunidades.

João Taborda da Gama

Premium Temos tempo

Achamos que temos tempo mas tempo é a única coisa que não temos. E o tempo muda a relação que temos com o tempo. Começamos por não querer dormir, passamos a só querer dormir, e por fim a não conseguir dormir ou simplesmente a não dormir, antes de passarmos o resto do tempo a dormir, a dormir com os peixes. A última fase pode conjugar noites claras e tardes escuras, longas sestas de dia com um dormitar de noite. Disse-me um dia o meu barbeiro que os velhotes passam a noite acordados para não morrerem de noite, e se ele disse é porque é.

João Taborda da Gama

Premium Temos tempo

Achamos que temos tempo mas tempo é a única coisa que não temos. E o tempo muda a relação que temos com o tempo. Começamos por não querer dormir, passamos a só querer dormir, e por fim a não conseguir dormir ou simplesmente a não dormir, antes de passarmos o resto do tempo a dormir, a dormir com os peixes. A última fase pode conjugar noites claras e tardes escuras, longas sestas de dia com um dormitar de noite. Disse-me um dia o meu barbeiro que os velhotes passam a noite acordados para não morrerem de noite, e se ele disse é porque é.