Jovem sem carta e em carro roubado tenta atropelar PSP

Foi detido pouco depois do incidente

A PSP deteve um jovem de 17 anos, no sábado à noite, em Lisboa, por ter tentado atropelar um polícia e pelos crimes de furto e uso de viatura e condução sem habilitação legal, informou hoje aquela polícia.

Em comunicado, o Comando Metropolitano de Lisboa (Cometlis) da PSP adianta que durante uma operação de controlo e identificação de suspeitos, realizada na Ajuda, um jovem, que conduzia uma carrinha ligeira de mercadorias, foi mandado parar pela polícia, mas não acatou a ordem e tentou atropelar um agente.

Segundo a PSP, o jovem ainda tentou fugir, mas foi localizado pela polícia numa rua próxima e detido.

Após a detenção, a PSP apurou que não possuía carta de condução e que a viatura em que seguia tinha sido furtada em Alpiarça no passado dia 17 de abril.

A PSP indica também que, entre as 07:00 de sábado e as 09:00 de domingo, foram detidas 48 pessoas durante as operações de fiscalização realizadas na área da Grande Lisboa.

Segundo o Cometlis, 17 pessoas foram detidas por condução sob influência do álcool, dez por tráfico de droga, seis por falta de habilitação legal para conduzir, sete por resistência e coação sobre funcionário, três por roubos a pessoas na via pública e duas por posse de arma proibida.

A PSP apreendeu ainda droga e dinheiro, no caso das detenções por tráfico de droga, e armas nos casos dos crimes em que a posse é proibida.

Exclusivos

Premium

Leonídio Paulo Ferreira

Nuclear: quem tem, quem deixou de ter e quem quer

Guerrilha comunista na Grécia, bloqueio soviético de Berlim Ocidental ou Guerra da Coreia são alguns dos acontecimentos possíveis para datar o início da Guerra Fria, que alguns até fazem remontar à partilha da Europa em esferas de influência por Churchill e Estaline ainda o nazismo não tinha sido derrotado. Mas talvez 29 de agosto de 1949, faz agora 70 anos, seja a melhor opção, afinal nesse dia a União Soviética fez explodir a sua primeira bomba atómica e o monopólio da arma pelos Estados Unidos desapareceu. Sim, foi o teste em Semipalatinsk que estabeleceu o tal equilíbrio do terror, primeiro atómico e depois nuclear, que obrigou as duas superpotências a desistirem de uma Guerra Quente.