Três crianças abusadas pelo primo depois da morte do pai

Suspeito fugiu quando a mãe apresentou queixa. Foi ontem detido pela Polícia Judiciária

Três crianças de Alhos Vedros (Moita) viveram quatro anos de terror. Depois de o pai ter morrido, terão começado a ser abusadas sexualmente por um primo dentro da própria casa onde as menores vivem com a mãe e dois irmãos mais velhos. O suspeito conseguiu manter as vítimas em silêncio através de ameaças, mas a família descobriu a verdade há uns meses. O homem andou fugido mas ontem foi detido pela PJ de Setúbal em Torres Vedras.

O suspeito, hoje com 33 anos, era merecedor da confiança da mãe das três crianças, devido aos laços familiares. Ao ponto da progenitora ir para o trabalho e permitir que o homem começasse a ficar na sua casa sozinho com as menores - entre os dez e 12 anos - depois de o pai das crianças ter morrido.

Segundo a investigação, os abusos sexuais haviam de ser reiterados ao longo dos últimos quatro anos. "A vítima acabava por ser aleatória. Era consoante a oportunidade que surgisse", diz fonte policial, tendo o suspeito conseguido garantir o silêncio das menores durante todo este tempo.

O homem terá começado por aliciar as crianças com doces, mas acabou por convencê-as de que se algum dia contassem alguma coisa a alguém acabariam por ser institucionalizadas em casas de correção. Alegava que ninguém acreditaria nelas.

O pesadelo chegou ao fim quando uma irmã mais velha das crianças achou estranho o seu comportamento ao encontrarem o suspeito na rua. Viria a fazer-lhes várias perguntas e as respostas confirmaram os receios. A irmã percebeu o que se tinha passado em casa durante todo aquele tempo e contou à mãe das vítimas.

A progenitora apressou-se a apresentar queixa-crime, mas o indivíduo não esperou para se pôr em fuga. Era procurado pelas autoridades há cerca de cinco meses, vindo a ser encontrado em Torres Vedras, onde terá vivido nos últimos tempos. A esta hora continua a ser ouvido pelo tribunal, à espera de conhecer a medida de coação.

Ler mais

Exclusivos