Homem abatido a tiro no Monte da Caparica

PJ está a investigar. Vítima foi baleada e chegou sem vida ao hospital

Um homem com 26 anos foi morto a tiro, ao início da madrugada de hoje, no Monte da Caparica, em Almada, disse à agência Lusa fonte do Comando Geral da GNR.

Segundo a mesma fonte, a GNR foi chamada ao local, na rua da Boavista, cerca da 01:00, tendo a vítima, baleada com dois tiros, chegado já sem vida ao Hospital Garcia de Orta, para onde foi transportado de emergência.

A Polícia Judiciária (PJ) está agora a investigar o homicídio.

A GNR não avançou se há testemunhas ou se existem suspeitas quanto ao móbil do crime, adiantando, contudo, que o homem residia naquela zona de Almada.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Pedro Lains

Compreender Marques Mendes

Em Portugal, há recorrentemente espaço televisivo para políticos no activo comentarem notícias generalistas, uma especificidade no mundo desenvolvido. Trata-se de uma original mistura entre comentário político e espaço noticioso. Foquemos o caso mais saliente dos dias que correm para tentar perceber a razão dessa peculiaridade nacional. A conclusão é que ela não decorre da ignorância das audiências, da falta de especialistas sobre os temas comentados, ou da inexistência de jornalistas capazes. A principal razão é que este tipo de comentário serve acima de tudo uma forma de fazer política.