Escola do Fundão reabre após ameaça de bomba

Ameaça foi feita via telefone. Plano de emergência da escola foi ativado

A Escola Secundária do Fundão, distrito de Castelo Branco, reabriu hoje à tarde, depois de durante a manhã ter sido evacuada devido a uma ameaça de bomba, disse à agência Lusa o diretor do Agrupamento de Escolas do Fundão, Armando Anacleto.

"As autoridades estiveram no local a realizar buscas até cerca das 13:15, mas não encontraram nada, pelo que nos disseram que podíamos reabrir", afirmou.

Armando Anacleto explicou que os alunos que estejam em condições de regressar à escola devem fazê-lo, uma vez que as atividades letivas serão retomadas dentro da normalidade.

A ameaça surgiu pouco depois das 09:00 por via telefónica e, por precaução, foi acionado o plano de emergência, que levou à retirada dos alunos que estavam no complexo escolar, que integra a Escola Secundária e a Escola João Franco, e que tem cerca de 1.200 alunos.

Ler mais