Computador da Google derrota campeão mundial em jogo de estratégia

Nas três horas e meia de duração do jogo, a máquina da Google derrota Lee e-Dol da Coreia da Sul na primeira de uma série de jogos em Seul

Numa luta sem precedentes entre um homem de carne e osso e inteligência artificial, o campeão mundial de um jogo de estratégia (Go) acabou derrotado pelo seu adversário...computador.

A máquina - Deep Mind Alpha Go da Google - venceu uma das partidas do jogo de três horas e meia contra o sul coreano, campeão mundial, Lee Se-dol. Já em Outubro do ano passado a Alpha Go Beat tinha alcançado esse feito no campeonato europeu, vitória que não era expectável há anos. Ganhou a primeira de cinco partidas.

Um repórter da BBC, Stephen Evans, que assistiu à partida, descreveu o estado de espírito de Lee como "nervoso e estando constantemente a abanar a cabeça". No final da partida assumiu: "estou bastante surpreendido porque nunca achei que iria perder este jogo".

Apesar da derrota, o campeão mundial de xadrez não se arrepende de ter aceite o desafio. "Diverti-me imenso ao jogar com o Go e estou ansioso pelos futuros jogos", explica.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Rosália Amorim

Crédito: teremos aprendido a lição?

Crédito para a habitação, crédito para o carro, crédito para as obras, crédito para as férias, crédito para tudo... Foi assim a vida de muitos portugueses antes da crise, a contrair crédito sobre crédito. Particulares e também os bancos (que facilitaram demais) ficaram com culpas no cartório. A pergunta que vale a pena fazer hoje é se, depois da crise e da intervenção da troika, a realidade terá mudado assim tanto? Parece que não. Hoje não é só o Estado que está sobre-endividado, mas são também os privados, quer as empresas quer os particulares.