Duas crianças gravemente feridas em acidente de viação

Ligeiro e pesado colidiram. Um dos condutores fugiu mas já se entregou

Um acidente de viação em Gondomar, colisão entre um veículo pesado e um ligeiro, causou oito feridos, com três a ficarem em estado grave, avança o Jornal de Notícias.

Dos três feridos graves, dois são crianças. Um dos carros ia com excesso de lotação.

Duas das crianças feridas com gravidade encontram-se instáveis e ficam nos cuidados intensivos do hospital São João, indicou fonte desta unidade hospitalar, segundo a Lusa.

Sete dos feridos foram para os hospitais de São João e Santo António, com o oitavo a ser assistido no local do acidente. Entre os feridos existem pelo menos duas crianças, de sete e nove anos, mais uma jovem de 17, de acordo com o mesmo jornal.

Do carro com excesso de lotação, sete pessoas, algumas fugiram mas a GNR conseguiu apanhar e identificar todos.

Após o embate, o condutor do pesado fugiu, mas acabou por se entregar no Quartel de Bombeiros de São Pedro da Cova, a poucos quilómetros do acidente, diz o Correio da Manhã, que refere ainda que o acidente foi no Lugar das Mimosas, em São Pedro da Cova, Gondomar.

Exclusivos

Premium

Contramão na autoestrada

Concessionárias querem mais formação para condutores idosos

Os episódios de condução em sentido contrário nas autoestradas são uma realidade recorrente e preocupante. A maioria envolve pessoas idosas. O tema é sensível. Soluções mais radicais, como uma idade para deixar de conduzir, avaliação médica em centros específicos, não são consensuais. As concessionárias das autoestradas defendem "mais formação" para os condutores acima dos 70 anos.