Tentou pegar fogo a uma discoteca

O crime aconteceu em fevereiro. O homem, detido agora pela PJ, recorreu a chama direta e acelerante de combustão. Mas o mau tempo estragou os planos ao incendiário

Um homem, de 55 anos de idade, foi detido pela Diretoria de Lisboa da PJ, indiciado pela prática de um crime de incêndio, na forma tentada, num estabelecimento de diversão noturna situado em Lisboa. Os factos ocorreram no passado mês de fevereiro, tendo o incêndio sido iniciado na porta do estabelecimento, que se encontrava encerrado, com recurso a chama direta e acelerante de combustão.

O fogo acabou por não provocar danos relevantes, face às condições atmosféricas que se faziam sentir na altura da prática do crime. O detido, que terá agido devido a um conflito com os proprietários da discoteca, de que havia sido cliente, vai ser sujeito a primeiro interrogatório judicial.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG