Turistas resgatados em falésia estão bem

Faziam parte de um grupo de caminhantes que passeavam, nesta quarta-feira de manhã, na Praia da Cordoama, na zona norte do concelho de Vila do Bispo, quando um deles, de 65 anos e nacionalidade francesa, decidiu subir a uma falésia, tendo escorregado e caído. Um outro, inglês, de 70 anos, ao aperceber-se do perigo foi ao seu encontro para o auxiliar, mas também ficou lá até ser salvo.

Uma equipa de salvamento em grande ângulo dos Bombeiros Voluntários de Vila do Bispo, constituída por oito elementos, conseguiu resgatar, nesta quarta-feira, pelas 14.16 horas, os dois turistas - um de 65 anos e nacionalidade francesa e outro inglês, de 70 anos - que se perderam pouco antes do meio-dia numa falésia a uma altura de cerca de trinta metros em direção ao mar, junto ao Sítio do Miradouro, entre as praias da Cordoama e do Castelejo, na zona Norte daquele concelho da costa vicentina. Para além do "grande susto", como confessaram, as vítimas encontram-se bem, não tendo necessitado de assistência médica.

"Montámos todo o equipamento para a operação de resgate no topo da falésia a mais de 120 metros de altura, tendo dois socorristas efetuado a descida para o contacto com as vítimas, após o que estas foram recuperadas e levadas para a Praia da Cordoama. Isto, porque na altura a maré estava vazia e existiam melhores condições de segurança para esse tipo de resgate até por ser a zona mais próxima. Foi preferível descer trinta metros até à praia do que fazê-los subir 120 metros até ao cimo da falésia", disse ao DN o segundo comandante dos Bombeiros Voluntários de Vila do Bispo, José Pedro. Acrescentou que os dois turistas "estão bem fisicamente, sem qualquer ferimento, embora tendo ficado um pouco assustados, como é natural".

Segundo foi possível apurar, faziam parte de um grupo de cerca de duas dezenas de caminhantes que passeavam na Praia da Cordoama, quando um deles, o francês, de 65 anos, deslumbrado com a paisagem decidiu subir a uma falésia supostamente para fotografar a zona. "Depois, não conseguiu descer, tendo escorregado e caído. Um outro turista viu a situação e ao aperceber-se do perigo foi ter com ele para tentar ajudá-lo, mas acabou também por ficar lá a uma altura de cerca de trinta metros em direção ao mar", contou o segundo comandante dos Bombeiros de Vila do Bispo. Na operação de resgate aos dois turistas participou igualmente uma patrulha da Polícia Marítima na Praia da Cordoama.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG