Turista irlandesa cai de falésia a seis metros de altura

Apresentava fraturas na face e num braço, tendo sido resgatada por elementos da equipa de salvamento em grande ângulo dos Bombeiros Voluntários de Aljezur. Posteriormente, foi levada no helicóptero da Autoridade Nacional de Proteção Civil para o Hospital do Barlavento Algarvio, em Portimão

Uma turista irlandesa, de 33 anos, que se encontrava acompanhada por familiares, caiu de uma falésia a cerca de seis metros de altura a sul da Praia do Amado, no concelho de Aljezur, neste domingo, quando descia para o areal por um caminho íngreme em condições difíceis, segundo apurou o DN.

O alerta foi dado pelas 15.40 horas à Polícia Marítima, tendo a vítima sido levada no helicóptero da Autoridade Nacional de Proteção Civil com base em Loulé para o Hospital do Barlavento Algarvio, na cidade de Portimão. Apresentava fraturas na face e num braço.

Na operação de resgaste estiveram, igualmente, envolvidos dez elementos da corporação dos Bombeiros Voluntários de Aljezur e quatro viaturas. Em virtude da dificuldade de acesso ao local do acidente, enquanto vários bombeiros se deslocaram ao longo da Praia do Amado para tentar localizar a turista, elementos da equipa de salvamento em grande ângulo daquela corporação seguiram pelas falésias. Ali, numa zona de difícil acesso, foi encontrada caída a vítima, que até se mostrava consciente, apesar do impacto sofrido ao embater nos rochedos.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG