Turista agride polícia após ser expulsa de avião

A passageira, que viajava num voo proveniente de Maiorca com destino a Faro, apresentava indícios de embriaguez, não tendo acatado ordens da tripulação. Já no aeroporto depois de a polícia a ter ido buscar ao avião, deu duas bofetadas a um agente e foi detida. Será presente hoje a tribunal na capital algarvia

Uma turista espanhola, de 50 anos, foi detida ontem, segunda-feira, cerca das 16.00 horas, no Aeroporto de Faro devido a insultos e agressões a um agente da Polícia de Segurança Pública (PSP), após ter sido expulsa do avião em que viajava, na sequência de "comportamentos impróprios" para com elementos da tripulação, segundo estes, "não respeitando ordens e colocando em risco a segurança" do voo.

Fonte do Comando Distrital de Faro da PSP disse ao DN que a passageira, com "indícios de embriaguez", foi levada por agentes desde o avião, num voo proveniente de Maiorca com destino à capital algarvia, para o interior do aeroporto. "Na aerogare, começou a insultar os agentes da PSP e agrediu um deles com duas bofetadas", contou a fonte policial. A mulher, que viajava sem companhia, encontra-se detida nas instalações da PSP no Aeroporto de Faro e será presente, na terça-feira, ao tribunal desta cidade para aplicação de medidas de coação.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG