Reformados e pensionistas protestam contra o Governo

Perto de uma centena de reformados e pensionistas estão hoje concentrados junto ao Ministério do Trabalho e da Solidariedade Social, em Lisboa, em protesto contra as políticas de austeridade aplicadas pelo Governo.

"Demissão", "Governo é passado, nós somos o futuro" e "Governo ladrão, não tem perdão" são algumas das palavras de ordem entoadas pelos manifestantes.

O protesto foi promovido pelo movimento cívico Apre - Associação de Aposentados, Pensionistas e Reformados.

Entretanto, fonte do Ministério tutelado por Pedro Mota Soares revelou à Lusa que alguns elementos do Apre estão reunidos com o chefe de gabinete do governante, um encontro que poderá prolongar-se "durante toda a tarde".

Ler mais

Exclusivos

Premium

Pedro Lains

"Gilets jaunes": se querem a globalização, alguma coisa tem de ser feita

Há muito que existe um problema no mundo ocidental que precisa de uma solução. A globalização e o desenvolvimento dos mercados internacionais trazem benefícios, mas esses benefícios tendem a ser distribuídos de forma desigual. Trata-se de um problema bem identificado, com soluções conhecidas, faltando apenas a vontade política para o enfrentar. Essa vontade está em franco desenvolvimento e esperemos que os recentes acontecimentos em França sejam mais uma contribuição importante.