Incêndio obrigou bombeiros a defender casas

Fogo está a caminho do concelho de Lagos. Aos mais de 90 bombeiros de onze corporações do Algarve, que se encontravam no terreno com apoio de um helicóptero, estão a juntar-se mais reforços.

Um incêndio de grandes proporções atingiu, hoje, cerca das 19.00, a zona de Monte Ruivo, na freguesia da Bordeira, no concelho de Aljezur, numa área com mato e eucaliptos, tendo obrigado os bombeiros a defender pelo menos "uma dúzia de casas dispersas", algumas habitadas e outras pertencentes a cidadãos estrangeiros que se encontram nos seus países.

"Não houve no entanto necessidade de proceder a evacuações", disse ao DN o presidente da câmara municipal, José Amarelinho. "Já houve casas mais em perigo do que se verifica neste momento. Contudo, existe ainda uma frente de fogo ativa que se agora se estende a Sul e nos preocupa", acrescentou o autarca. Segundo apurou o DN, as chamas estão avançar em direção à zona de Barão de São João, no concelho de Lagos.

O fogo estava a ser combatido por mais de 90 bombeiros de onze corporações do Algarve, com o apoio de 25 viaturas e um helicóptero proveniente de Monchique, disse ao DN fonte do Centro Distrital de Operações de Socorro (CDOS) /Proteção Civil, adiantando que "mais reforços estão a chegar" ao concelho de Aljezur. Porém, o helicóptero já deixou o teatro das operações devido ao anoitecer.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG