Idosa estaria morta em casa há nove anos

A PSP encontrou ontem no chão da cozinha de um apartamento na Rinchoa, em Rio de Mouro, concelho de Sintra, o corpo de uma mulher que deve ter falecido há já nove anos, sem que o seu desaparecimento tenha sido detectado.

A mulher, que no próximo Sábado completaria 96 anos, estava desaparecida desde Novembro de 2002 mas nunca foram feitas diligências no sentido de se descobrir o seu paradeiro.

Ontem, a PSP entrou no apartamento a mando da nova proprietária que comprou o imóvel num leilão realizado pelas Finanças. Além da idosa também o cão, a sua única companhia, estava morto na varanda.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG