Homem detido por roubos por esticão na linha de Sintra

A PSP deteve um homem, de 21 anos, no cumprimento de um Mandado de Detenção, emitido pela Autoridade de Polícia Criminal, no âmbito de um inquérito em que se investigava a atividade de um grupo que se dedicou à prática de roubos por esticão nos comboios na Linha da CP de Sintra.

Dois outros suspeitos já haviam sido detidos em março e estão presos preventivamente. O agora detido está referenciado por vários roubos por esticão em transportes públicos, viajou para fora do território nacional com o claro objetivo de evitar a ação da

Justiça, o que invalidou a sua detenção.

Assim que regressou, foi localizado e detido. Nos roubos, os arguidos agiam de forma concertada combinando entre si roubar objetos, nomeadamente fios de ouro, aos passageiros que viajavam nos comboios da Linha de Sintra.

Para tal, delineavam estratégias de atuação conjunta, onde cada um tinha a sua tarefa bem definida, nomeadamente, quem é que realizava o esticão, puxando o objeto em ouro, e quem ficaria de vigia e a segurar as portas, para assim garantirem o sucesso da sua atividade.

Os roubos praticados revestiram-se de especial violência e perversidade, existindo alguns casos em que as vítimas chegaram a ser agredidas com pontapés e murros, tirando sempre vantagem da superioridade numérica que possuíam.

Os roubos renderam mais de 2 000 euros. Ontem, depois de ser presente a 1.º Interrogatório Judicial no Tribunal de Instrução Criminal, foi-lhe aplicada a medida de coação de prisão preventiva. Todos estes detidos incorrem numa pena que pode ir dos três aos 15 anos de prisão.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG