Artistas decoram montras de lojas para valorizar comércio

As seis freguesias do concelho de Cascais vão transformar-se, em maio, numa galeria de arte ao ar livre, com a intervenção de artistas plásticos nas montras das lojas, no âmbito da quarta edição do 'com.arte'.

Pelo quarto ano consecutivo, a Câmara de Cascais, através da agência municipal DNA Cascais Comércio, volta a realizar a iniciativa, desta vez de 14 a 27 de maio, com o objetivo de criar uma ligação estética entre obras de arte e as montras das lojas para valorizar os produtos comercializados.

"Esta é mais uma oportunidade para unir a arte com o comércio tradicional, mais uma forma de gerar diferenciação, de nos afirmarmos pela diferença e mais uma oportunidade de colocar a criatividade, o talento e a arte ao serviço não só do comércio tradicional, mas do emprego e do desenvolvimento", afirmou o presidente da Câmara de Cascais, Carlos Carreiras.

A iniciativa, hoje apresentada, prevê ainda a atribuição de cinco mil euros para a melhor intervenção realizada, um prémio que será dividido entre o artista e o comerciante.

Segundo a Câmara de Cascais, cada loja recebe um artista - que poderá ser pintor, escultor, ceramista, fotógrafo, ilustrador, designer ou arquiteto - para fazer uma intervenção na montra de modo a valorizar a sua imagem, aumentando a sua atratividade.

"Valoriza-se o comércio de rua e a criatividade, fruto da imprescindível cumplicidade entre o artista e o lojista, para que os visitantes se sintam atraídos pela obra artística exposta na montra e pela oferta comercial da loja", refere informação da autarquia.

No evento podem participar gratuitamente todos os estabelecimentos de comércio tradicional de rua instalados nos centros urbanos de Alcabideche, Carcavelos, Cascais, Estoril, Parede e São Domingos de Rana.

O único requisito de participação de uma loja é a existência de uma montra em que o artista possa expor o produto da sua criatividade e inovação juntamente com os produtos comercializados nessa loja.

As obras realizadas nas montras são avaliadas em dois níveis: "Selecciona-se os cinco melhores binómios (artista/comerciante) por freguesias e posteriormente um júri composto por personalidades de destaque no panorama cultural, artístico e social elegem o vencedor do 'com.arte 2012'", que só será conhecido a 26 de maio.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG