Acusado de homicídio qualificado da ex-companheira

O Ministério Público da comarca da Grande Lisboa Noroeste acusou um homem pelo homicídio da ex-companheira, no dia 3 de Dezembro de 2010, na Reboleira.

Segundo uma nota da Procuradoria-Geral Distrital de Lisboa, o Ministério Público deduziu acusação pelo homicídio qualificado de Maria Olinda Gomes Fernandes, ex-companheira do arguido, cometido na estação da CP da Reboleira, no concelho da Amadora.

O arguido encontra-se preso preventivamente.

Na altura, a imprensa indicou que a vítima, de 33 anos, tinha sido esfaqueada e que deixava dois filhos menores.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG