Sete das 10 crianças internadas devido a intoxicação alimentar tiveram alta

Sete das 10 crianças de escolas do concelho de Alenquer que foram internadas na sexta-feira no hospital de Vila Franca de Xira devido a sintomas de intoxicação alimentar já tiveram alta, disse hoje à Lusa uma fonte hospitalar.

A mesma fonte adiantou que permanecem internadas três crianças, que se encontram "perfeitamente estáveis" e que possivelmente terão alta ainda hoje.

Na sexta-feira foram atendidas nas urgências do hospital 55 crianças com sintomas de intoxicação alimentar, das quais dez ficaram internadas para fazer soro endovenoso.

Sete tiveram alta ainda na sexta-feira à noite, acrescentou a fonte.

O diretor clínico do hospital disse na sexta-feira à Lusa que as crianças iam ficar internadas por terem sido vítimas de "sintomas mais intensos".

Os sintomas apareceram depois do almoço, em que foi servido caldo verde e carne com arroz e couve lombarda.

O presidente da Câmara de Alenquer, Jorge Riso, disse à Lusa que os alunos são oriundos das escolas de Pocariça, Labrugeira, Olhalvo (Agrupamento de Escolas Visconde Chanceleiros) e de Cheganças (Agrupamento de Escolas de Alenquer), com um total de 440 alunos.

O município já anunciou que vai abrir um inquérito para "apurar responsabilidades e para perceber o que aconteceu e porque é que afetou alunos de umas escolas e não de outras", uma vez que a empresa que presta o serviço fornece refeições a todas as escolas do concelho.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG