Serviços iguais aos prestados aos domingos e feriados

Nos dois dias de greve dos médicos, os serviços mínimos e os meios necessários são os mesmos que existem aos domingos e feriados nas instituições, segundo consta do pré-aviso da greve marcada para quarta e quinta-feira.

Segundo o documento, e durante este período de greve, os trabalhadores médicos devem garantir a prestação dos cuidados de quimioterapia e radioterapia, de diálise, urgência interna e indispensáveis para a dispensa de medicamentos de uso exclusivamente hospitalar.

Devem igualmente ser assegurados os serviços de imunohemoterapia com ligação aos dadores de sangue, recolha de órgãos e transplantes e os cuidados paliativos em internamento.

Também assegurada deve ser a punção folicular por determinação médica em mulheres cujo procedimento de Procriação Medicamente Assistida (PMA) tenha sido iniciado e decorra em estabelecimento do Serviço Nacional de Saúde (SNS).

O Sindicato Independente dos Médios e a Federação Nacional dos Médicos marcaram uma greve para quarta-feira e quinta-feira. O fim do concurso de aquisição de serviços médicos é uma das 20 exigências na base da greve de quarta-feira e quinta-feira que recusa "as múltiplas e graves medidas governamentais de restrição no acesso aos cuidados de saúde".

A greve, convocada pelo Sindicato Independente dos Médicos (SIM) e a Federação Nacional dos Médicos (FNAM), tem por base 20 reivindicações.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG