PS insiste no voto contra eleição de Fernando Nobre

Maria de Belém, porta-voz da primeira reunião da bancada socialista nesta legislatura, afirmou hoje que há um sentimento geral de rejeição do nome proposto pelo PSD, Fernando Nobre, para presidente da Assembleia da República.

No final da reunião da bancada socialista, a ex-ministra da Saúde foi questionada se os deputados do PS vão cumprir a orientação dada pelo Secretariado Nacional deste partido no sentido de votarem esta tarde contra a candidatura de Fernando Nobre.

Maria de Belém afirmou então que "há um sentimento geral de rejeição do nome, mas não houve nenhuma votação" interna em relação ao nome de Fernando Nobre.

A ex-ministra da Saúde adiantou ainda que, apesar de estar disposto a chumbar o nome de Nobre, "o PS não vai apresentar candidato alternativo".

Já em relação à intenção do PS de indicar o seu ex-secretário-geral Ferro Rodrigues para uma das vice-presidências da Assembleia da República, Maria de Belém disse que nesse ponto o consenso foi total.

"O nome de Ferro Rodrigues foi obviamente consensual à partida. Não houve questões sequer em relação a ele, é uma escolha absolutamente consensual e diria mesmo natural", frisou Maria de Belém.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG