Professora leva bofetada de mãe de aluna

A segurança vai ser reforçada na Escola Básica n.º 2 de Braga na sequência do incidente desta manhã.

Uma professora da Escola Básica n.º 2 de Lamaçães, Braga, foi hoje agredida com "uma bofetada" por uma mãe, que ali terá ido "tirar satisfações" pela alegada agressão da docente a uma filha, informou fonte da PSP.

Segundo a fonte, os pais da aluna foram à escola, tendo o pai entrado enquanto a mãe ficou no exterior, à espera da chegada da professora, "desferindo-lhe uma bofetada".

Horas mais tarde, os pais voltaram à escola, altura em que a docente em questão, de 42 anos, "se sentiu mal", eventualmente com "uma crise de ansiedade", tendo sido transportada para o hospital.

Segundo a PSP, os pais da aluna formalizaram hoje queixa contra a professora, por alegada agressão à filha durante as aulas.

O caso, que vai ser participado ao Ministério Público, levou ao reforço da segurança na escola.

A PSP, além dos agentes da Escola Segura, manterá de prevenção uma "equipa de intervenção rápida, para acudir a qualquer eventualidade", explicou à Lusa o diretor do Agrupamento de Escolas D. Maria II, João Dantas. Além disso, a escola passará também a contar com a presença de vigilantes, ao abrigo de um programa da Direção de Serviços da Segurança Escolar.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG