Primeiro dia da Feira Popular de Natal entusiasmou crianças

Mariana e Pedro, de oito e três anos, não paravam de falar em regressar à Feira Popular de Natal desde que, há menos de um mês, equipamentos como a roda gigante e carrinhos de choque começaram a ser instalados em Entrecampos, em Lisboa. "Tivemos de vir logo", diz, com um sorriso, a mãe, Cátia Moreira, quando são ainda muitas as diversões desligadas.

No primeiro dia da iniciativa que se realiza pelo 5.º ano consecutivo, uma questão burocrática acabou por adiar algumas horas a abertura de um evento que evoca a antiga Feira Popular - que ali funcionou entre 1961 e 2003 - mas que o seu responsável ressalva não ser comparável à atual. Há quem insista em fazê-lo... enquanto outros já têm apenas memórias vagas do espaço encerrado há mais de uma década.

Com entrada livre e estacionamento gratuito, o recinto está aberto até 25 de janeiro e funciona, de domingo a quinta-feira, entre as 15.00 e as 23.30. À sexta-feira, ao sábado e em véspera de feriado encerra meia hora mais tarde.

Leia mais na edição impressa ou no e-paper do DN.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG