Portugueses, espanhóis e britânicos unem-se no combate ao tráfico

A cooperação entre as polícias portuguesa, espanhola e britânica resultou na detenção, no sábado, de três homens e na apreensão, em alto mar, de quase duas toneladas de droga, oriunda da América do Sul.

Da ação de combate ao tráfico internacional de estupefacientes envolvendo a Judiciária e polícias espanhola e britânica resultou no Porto, "a detenção de três homens fortemente indiciados pela atividade criminosa em investigação, a quem foram apreendidos um veículo automóvel de gama alta, dinheiro e vários telemóveis".

Segundo a Polícia Judiciária foram apreendidos, em alto mar, pelas autoridades policiais espanholas, 1800 quilos de droga proveniente da América do Sul, que se presume ser cocaína.

As investigações, que já vinham a ser desenvolvidas há vários meses, apontam no sentido de que o estupefaciente "se destinaria a ser distribuído a diferentes países europeus, via norte de Espanha, inserindo-se numa atividade de uma organização criminosa que opera a nível intercontinental".

Os detidos, com idades entre os 45 e 60 anos, residentes em Espanha e na Holanda, e com antecedentes criminais pela prática de tráfico de droga, foram presentes às autoridades judiciárias que, determinaram o "pagamento de cauções".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG