27 abril 2011 às 00h30

Perdeu rosto há oito anos mas justiça tarda

Agente da PSP que foi atingido na cara por peça de comboio da CP viu hoje novamente adiada a leitura da sentença do caso.