Orçamento será apresentado "assim que possível"

Nota divulgada pelo gabinete do primeiro-ministro diz que país precisa de ser governado e não de "quezílias institucionais"

O Governo do PS considera que "já se perdeu muito tempo" e apresentará uma proposta de Orçamento do Estado para 2016 "assim que possível", refere uma nota hoje divulgada pelo gabinete do primeiro-ministro, António Costa.

"O Governo apresentará o Orçamento assim que possível. Já se perdeu muito tempo. O país precisa de ser governado e não de quezílias institucionais", lê-se na nota enviada pelo gabinete do primeiro-ministro à agência Lusa.

De acordo com a edição de hoje do Diário de Notícias, o Governo de António Costa "quer a aprovação final do Orçamento do Estado de 2016 em março - mas só depois de Cavaco Silva já não ser Presidente da República".

Hoje, o candidato presidencial Marcelo Rebelo de Sousa disse, em Paris, que não se pode esperar "meses e meses" para ter o orçamento para 2016 e espera que Portugal tenha orçamento antes da tomada de posse do novo presidente.

"Nós não podemos esperar meses e meses e meses para ter o orçamento para 2016. Espero que o Orçamento do Estado esteja aprovado e tenha entrado em vigor no momento da posse do novo Presidente que é no dia 09 de março. O país deve contar com um orçamento antes de março de 2016 e mesmo assim estamos a falar de três meses praticamente sem orçamento", declarou o candidato presidencial.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG