Oposição bloqueará o país se mantiver ódio a Sócrates

O presidente do PS adverte a oposição que bloqueará o país se rejeitar entender-se com o primeiro-ministro demissionário após as eleições, dizendo que isso significará colocar o ódio a José Sócrates acima do interesse nacional.

Confrontado com sondagens que apontam para a derrota do PS nas próximas eleições, Almeida Santos disse em entrevista à Lusa não ser "daqueles que julgam que os dados estão lançados, porque está tudo em aberto".

Já sobre as condições políticas para que José Sócrates forme de novo um Governo minoritário, ou um Governo de coligação com outros partidos, o presidente do PS lamentou que as forças da oposição estejam a afirmar que, para coligações com o PS, exigem a saída de Sócrates.

"Eles não têm o direito de escolher quem é que lidera o PS. Se não quiserem fazer coligações com o PS por ser liderado por José Sócrates, quem bloqueará o país será a oposição. Quem bloquear assumirá as responsabilidades", advertiu.

A seguir, o presidente do PS colocou dois possíveis cenários sobre o que acontecerá a seguir às eleições: "Se ganharmos as eleições, compete-nos a nós convidar os outros partidos para se fazer um Governo de maioria. Isto, se não ganharmos com maioria, como provavelmente não ganharemos".

"Se forem os outros a ganhar, a eles compete dirigirem-se a nós. Começaram por antecipação a afirmar que nunca fariam uma coligação com o PS dirigido por José Sócrates, mas quem manda na nossa direção somos nós e não os outros. Mal iriam eles se pusessem em segundo lugar o interesse nacional e em primeiro lugar o ódio que possam ter a José Sócrates", respondeu.

Interrogado se José Sócrates deve abandonar o lugar de secretário-geral do PS se perder as eleições legislativas, Almeida Santos não considerou essa possibilidade. "José Sócrates será secretário-geral antes das eleições, porque vai ser confirmado no congresso deste fim-de-semana. Portanto, quando as eleições ocorrerem, ele já é secretário-geral do PS [com mandato de dois anos]", disse.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG