MP abre inquérito à morte de mulher atingida por palco

O Ministério Público vai abrir um inquérito para apurar as circunstâncias da morte de uma mulher, no domingo, em Fervença, Celorico de Basto, depois de atingida pelos destroços de um palco arrancado pelo vento.

Segundo fonte policial, o auto de notícia já foi elaborado e já seguiu para o Ministério Público, que agora se encarregará do respetivo inquérito.

Se se concluir que o palco não reunia as devidas condições de segurança, o caso pode configurar o crime de homicídio por negligência.

No domingo, no final da procissão das festas de Fervença, o temporal arrancou o palco e uma mulher de 48 anos foi atingida pelos destroços, tendo tido morte imediata.

Autarcas e bombeiros já garantiram que o palco "tinha toda a segurança" e que só foi pelos ares como, como sublinhou o presidente da Junta de Fervença, o vento era tão forte que até conseguiria arrastar um autocarro que estivesse no local.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG