Feridos à facada durante rixa junto a oficina

Uma rixa no bairro de S. Sebastião, em Bragança, resultou ontem, ao final da tarde, em três feridos, um deles em estado grave. A discussão e as agressões envolveram armas brancas.

Os confrontos ocorreram junto a uma oficina e, de acordo com o que noticia esta manhã a Rádio Brigantina, terão tido origem em problemas entre vizinhos ou entre clientes e fornecedores. Quando os bombeiros chegaram ao local, dois dos homens apresentavam feridas incisivas, provocadas por armas brancas. Um terceiro foi esfaqueado na zona do abdómen e inspirava mais cuidados.

Os três, com idades entre os 35 e os 60 anos, foram assistidos no local e depois transportados para o hospital de Bragançá, onde a vítima em estado mais grave foi operada.

O agressor da vítima mais grave, com cerca de 60 anos, foi detido pela PSP depois de assistido no hospital aos ferimentos que apresentava numa mão e na cabeça. Durante a rixa o homem foi agredido com um pau.

Ler mais

Exclusivos

Premium

João Gobern

País com poetas

Há muito para elogiar nos que, sem perspectivas de lucro imediato, de retorno garantido, de negócio fácil, sabem aproveitar - e reciclar - o património acumulado noutras eras. Ora, numa fase em que a Poesia se reergue, muitas vezes por vias "alternativas", de esquecimentos e atropelos, merece inteiro destaque a iniciativa da editora Valentim de Carvalho, que decidiu regressar, em edições "revistas e aumentadas", ao seu magnífico espólio de gravações de poetas. Originalmente, na colecção publicada entre 1959 e 1975, o desafio era grande - cabia aos autores a responsabilidade de dizerem as suas próprias criações, acabando por personalizá-las ainda mais, injectando sangue próprio às palavras que já antes tinham posto ao nosso dispor.