CDU alerta que tráfico mudou-se para prédios devolutos

O vereador da CDU na Câmara do Porto, Pedro Carvalho, alertou hoje que, após a demolição da torre 5 do bairro do Aleixo, o tráfico e consumo de droga passaram para outros bairros, junto a edifícios devolutos.

Por isso, Pedro Carvalho quer que a autarquia tome "as diligências necessárias junto dos proprietários dos edifícios da Fábrica de Lanifícios, na travessa da Mouteira, e da Fábrica Aluminia/Comanor, na rua da Pasteleira, no sentido de procederem à limpeza do local e garantir o seu isolamento".

A proposta de recomendação, a que a Lusa teve hoje acesso, vai ser apresentada no período de antes da ordem do dia da reunião camarária de amanhã.

Para além disso, os edifícios também são usados "de forma permanente ou itinerante por dezenas de pessoas" que ali encontram "teto para viver ou pernoitar".

Assim, o comunista quer que a Câmara tente, junto da Segurança Social e da Empresa Municipal Domus Social, "identificar as situações de emergência social e estudar a forma de responder às mesmas".

"Após a demolição da Torre 5 do Aleixo notou-se uma passagem gradual do fluxo de tráfico e consumo de droga para as imediações de outros Bairros Municipais, nomeadamente do Bairro Nuno Pinheiro Torres, na freguesia de Lordelo do Ouro, aliás como já tinha sucedido após a demolição do Bairro S. João de Deus, na freguesia de Campanhã", descreve o vereador.

Junto da "denominada zona da cascata da Ribeira da Granja, no antigo edifício da Fábrica de Lanifícios de Lordelo, na Travessa da Mouteira", existem "diversas zonas de entrada onde se desenvolve o tráfico e consumo de droga de forma visível ao longo do dia, em paralelo com a prostituição", alerta o vereador.

"Fenómeno análogo ocorre na intersecção da Rua da Pasteleira com a Rua do Dr. Nuno Pinheiro Torres, no antigo edifício da Fábrica ALUMINIA/COMANOR que se encontra também devoluto", acrescenta.

Para Pedro Carvalho, "estes fenómenos têm causas sociais profundas, agravadas também em virtude da crise económica e social que o país atravessa e precisam de uma intervenção dos poderes públicos em diferentes vertentes".

O bairro de Pinheiro Torres é ainda alvo de outra recomendação da CDU, para que sejam identificados os problemas existentes "ao nível das caixilharias e instalações elétricas nas caixas das escadas, no sentido da sua reparação".

Pedro Carvalho quer ainda que a Câmara "instrua os serviços a averiguar as causas dos aluimentos em zonas pedonais e verdes, nomeadamente junto ao Bloco 2, entrada 86, no sentido da sua posterior resolução", bem como para "uma ação de limpeza das zonas verdes, nomeadamente na confrontação com a Travessa da Mouteira e nas zonas envolventes do Bloco 1 a 3".

O vereador lembra que o bairro foi alvo de requalificação nos seus onze blocos, numa intervenção camarária de quatro milhões de euros e, "quase dois anos depois, verifica-se a deterioração ao nível das caixilharias e portas de acesso", para além de outros problemas.

A CDU quer também que a autarquia garanta "as condições de segurança" ao longo do "caminho de terra batida que segue a margem da ribeira da Granja", fazendo "ligação entre a Rua de Dom João de Mascarenhas e a rua de acesso ao bloco 6 do Bairro Dr. Nuno Pinheiro Torres", nomeadamente através "da reposição da vedação ou solução análoga".

Remover o lixo que se encontra na encosta da ribeira da Granja, limpar a vegetação existente e avaliar os riscos de aluimento de terras no local são outros dos pedidos do vereador.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Anselmo Borges

"Likai-vos" uns aos outros

Quem nunca assistiu, num restaurante, por exemplo, a esta cena de estátuas: o pai a dedar num smartphone, a mãe a dedar noutro smartphone e cada um dos filhos pequenos a fazer o mesmo, eventualmente até a mandar mensagens uns aos outros? É nisto que estamos... Por isso, fiquei muito contente quando, há dias, num jantar em casa de um casal amigo, reparei que, à mesa, está proibido o dedar, porque aí não há telemóvel; às refeições, os miúdos adolescentes falam e contam histórias e estórias, e desabafam, e os pais riem-se com eles, e vão dizendo o que pode ser sumamente útil para a vida de todos... Se há visitas de outros miúdos, são avisados... de que ali os telemóveis ficam à distância...