Fogo na Póvoa de Varzim obriga a corte da A28

Um incêndio com duas frentes activas na Póvoa de Varzim obrigou ao corte da A28 hoje à tarde, mas já está "controlado", disse à Lusa o comandante dos bombeiros locais.

Segundo o comandante dos Bombeiros Voluntários da Póvoa de Varzim, Alberto Aguiar, não há habitações em perigo, apenas zonas de pinheiros e de eucaliptos, com alguma produção agrícola sob ameaça do fogo.

A autoestrada que liga a Póvoa a Viana do Castelo, cortada perto do nó de Estela, é a maior preocupação neste momento e o comandante dos bombeiros salienta que espera reabrir o percurso o mais rapidamente possível.

Segundo a página da Protecção Civil, encontram-se 48 bombeiros no local, com 14 veículos operacionais, sem que haja meios aéreos activos. De acordo com a mesma página, desde a meia noite de hoje houve 160 ocorrências florestais, estando 12 em curso pelas 16:15.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG