Encontrado no Douro cadáver de recluso que fugiu

A Polícia Marítima encontrou hoje no Rio Douro o cadáver do recluso que fugiu quinta-feira da Cadeia de Custóias, Matosinhos, num carro de um guarda prisional, disse à Agência Lusa fonte da PSP.

De acordo com o oficial de dia ao Comando Metropolitano do Porto da PSP, "o homem teria no bolso a chave da viatura" que utilizou na fuga.

O recluso, de 54 anos, fugiu da Cadeia de Custóias num carro de um guarda prisional, cerca das 12:00 de quinta-feira, acabando por abandonar a viatura uma hora depois no tabuleiro da Ponte do Freixo.

A Polícia Marítima iniciou então buscas no Rio Douro, tendo encontrado o cadáver cerca das 08:00 de hoje.

O recluso, natural do Porto e residente em Rio Tinto, Gondomar, estava a cumprir desde 2006 uma pena de prisão de cinco anos e nove meses, por violência doméstica e tentativa de homicídio da mulher.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG