Detido suspeito pela morte de Mayara

A Polícia Judiciária (PJ), através do Departamento de Investigação Criminal de Braga, deteve o suspeito pela morte da jovem brasileira Mayara Maldonado, de 20 anos, cujo corpo foi encontrado queimado numa serração abandonada.

A detenção ocorreu ao final da tarde de ontem e o principal suspeito é o ex-namorado, também com 20 anos, e que terá estado com a rapariga no dia em que ela desapareceu, a 11 de outubro de 2013.

O corpo de Mayara foi encontrado queimado no interior de um forno de uma antiga serração em Santa Lucrécia de Algeriz, em Braga, no dia 11 de janeiro. O ex-namorado já tinha sido interrogado pela PJ após o desaparecimento da jovem brasileira.

O detido, natural e residente no concelho de Braga, atualmente sem ocupação laboral, vai ser presente a primeiro interrogatório judicial para aplicação das medidas de coação.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG