Estradas de Portugal diz que estrada de Arouca só reabre com condições de segurança

A Estradas de Portugal lamentou hoje a morte de duas pessoas devido a uma derrocada numa estrada no concelho de Arouca e assegurou que esta via continuará fechada à circulação enquanto não estiveram reunidas todas as condições de segurança.

Fonte da Estradas de Portugal disse à agência Lusa que a empresa "lamenta a perda de vidas humanas" no acidente causado por uma derrocada num troço da estrada nacional 224 e informou que se tratou de "um deslizamento de terras da encosta e não junto à estrada".

A Estradas de Portugal está a proceder a trabalhos de limpeza da estrada e aguarda pela melhoria das condições climatéricas para verificar as condições do terreno circundante.

Dois homens morreram na sequência de uma derrocada hoje de manhã, na estrada nacional 224, no lugar de Caracuste, freguesia de Várzea, em Arouca, quando o carro em que seguiam foi arrastado para o rio Arda devido ao deslizamento de terras.

Exclusivos