Nobre não foi eleito à segunda volta

Fernando Nobre, que precisava de 116 em 230 votos para ser eleito presidente da Assembleia da República, não conseguiu ser eleito. Na segunda volta teve 105 votos, menos um que na primeira.

À primeira volta, Fernando Nobre obteve um total de apenas 106 votos em 116 necessários. Dos 228 votos registados, 101 foram brancos e 21 nulos.

A segunda volta na votação terminou há cerca de meia hora e, apurou o DN, Nobre teve menos um voto que na primeira volta: 105.

Segundo dados oficias entretanto anunciados esse voto foi transferido para o grupo de nulos, que foram agora 22.

Os líderes dos grupos parlamentares vão agora reunir-se para um a "reunião informal" para decidir o procedimento a seguir. Segundo a SIC Notícias, o processo vai agora ser reaberto. Ou seja, os partidos vão apresentar os seus candidatos à presidência da AR e a votação deverá acontecer amanhã de manhã.

Esta é a primeira vez em 35 anos que ao fim de duas voltas não se chega a um eleito. Já houve três presidentes da AR eleitos à segunda volta: Teófilo Carvalho dos Santos, do PS, Francisco Oliveira Dias, do CDS, e Barbosa de Melo, do PSD.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG