Naufrágio na Figueira da Foz faz dois mortos

O alarme foi dado às 4.16 desta quarta-feira. Já foram encontrados dois cadáveres e há ainda dois desaparecidos

Duas pessoas morreram esta quarta-feira na sequência do naufrágio de uma embarcação a 11 milhas (24 quilómetros) da costa da Figueira da Foz, disse à agência Lusa fonte da Marinha Portuguesa, precisando não ter havido pedido de socorro.

"Tudo indica que a embarcação terá ido ao fundo, porque não houve pedido de socorro", afirmou Pedro Coelho Dias, porta-voz da Marinha.

Segundo a Marinha, a embarcação de pesca, de nove metros e registada na Figueira da Foz (distrito de Coimbra) com o nome de Veneza, embora a tripulação seja de Peniche (distrito de Leiria), tinha ainda mais dois tripulantes, que se encontram desaparecidos.

Os meios de salvamento, acrescentou a Autoridade Marítima, foram ativados assim que foi recebido o alerta no Centro de Busca e Salvamento Marítimo de Lisboa, às 4.16 da manhã, via rádio baliza de emergência (EPIRB), que por norma só é ativado manualmente ou quando a embarcação vai ao fundo, assegurou fonte da Polícia Marítima ao DN.

A fonte precisou que foi imediatamente enviado para aquele local o helicóptero EH-101 da Força Aérea, o salva-vidas da Figueira da Foz, a embarcação de alta velocidade da Polícia Marítima e uma corveta da Marinha.

Pelas 08:30, o helicóptero encontrou destroços e os corpos dos dois pescadores.

As buscas continuam nas imediações do local.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG