Mulher desapareceu na Póvoa do Lanhoso

GNR reforçou buscas com cães

Uma mulher foi dada como desaparecida no concelho de Póvoa do Lanhoso, confirmou à Lusa a Guarda Nacional Republicana, adiantando que as buscas foram reforçadas este sábado com equipas de cães.

O desaparecimento da mulher foi avançado pela imprensa local, pelo Semanário V e pelo Diário do Minho. Ambos referem que a mulher tem nacionalidade estrangeira e que terá desaparecido hoje, em zona rural, na Fonte da Arcada, concelho de Póvoa do Lanhoso.

De acordo com o Semanário V, no local estão 16 operacionais - entre bombeiros e GNR. Já o Diário do Minho sublinha que as buscas decorrem igualmente na freguesia de Taíde.

Para já, desconhece-se a idade da mulher desaparecida.

O Comando Nacional da GNR em Lisboa confirmou as buscas e acrescentou que estas foram reforçadas com equipas de militares com cães (unidades cinotécnicas).

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG