Motards desafiam candidatos a contestar portagens

O presidente do Moto Clube de Faro lamentou ainda não ter assistido a nenhuma posição de força por parte dos candidatos autárquicos da região contra as portagens na Via do Infante (A22), esperando que tal aconteça.

José Amaro, dirigente do clube organizador da Concentração Internacional de Motos de Faro, que hoje se inicia, classificou as portagens como "uma aberração" que ao prejudicar o turismo do Algarve já devia ter sido alterada.

"De todos os candidatos às câmaras, de Faro e das outras cidades, ainda não vi ninguém contestar, mas contestar com força, as portagens na Via do Infante. À mesa do café, se calhar, até são contra aquilo, mas depois...", lamentou à Lusa o presidente do Moto Clube de Faro, que declarou de forma clara: "Têm que tomar uma medida de força porque estão a prejudicar o Algarve."

As eleições autárquicas realizam-se a 29 de setembro.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG