Manuel Machado esteve em coma induzido

O treinador de futebol Manuel Machado, actualmente no Vitória de Guimarães, esteve em coma induzido depois de ter feito uma lipoaspiração numa clínica do Porto. Em Novembro de 2009, o técnico orientava o Nacional e foi internado no Hospital Dr. Nélio Mendonça, na Madeira, devido a uma infecção na zona do abdómen, que terá originado sintomas de septicemia.

O estado de Manuel Machado chegou a ser considerado grave, pois durante a lipoaspiração o intestino terá sido perfurado. Devido a fasceítes necrosantes (infecção dos tecidos moles), o treinador foi sujeito a tratamentos hiperbáricos para cicatrização de feridas, além das intervenções de urgência para "limpar" toda a zona afectada. A primeira das quais foi feita no dia em que o técnico deu entrada no hospital

Depois de mais de uma semana em coma induzido, Manuel Machado começou a recuperar e foi considerado como fora de perigo, apesar de ter passado ainda uns dias no hospital. O médico que operou o treinador no Porto viajou para a Madeira para acompanhar o caso.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG