Mais de 2400 portugueses presos no estrangeiro em 2011

O número de cidadãos portugueses presos no estrangeiro é de 2.481, indica o Relatório Anual de Segurança Interna (RASI) de 2011, que revela a existência de 509 portugueses em prisões francesas.

Segundo o relatório, a que a Agência Lusa teve acesso, o Reino Unido aparece em segundo lugar da lista, com 358 cidadãos portugueses nas suas cadeias, seguido da Espanha, com 316.

Os Estados Unidos, com 268 reclusos portugueses, o Brasil, com 242, e a Alemanha, com 103, são os restantes países com maior expressão na tabela que consta do RASI, hoje analisado pelo Conselho Superior de Segurança Interna

O relatório refere também que entre 1997 e 2011 foram deportados 1.245 portugueses dos Estados Unidos, 126 dos quais em 2011, o que constitui um recorde. A segunda maior cifra datava de 1999, com 119 deportados.

Em 2010 haviam sido deportados 81 portugueses dos Estados Unidos e no ano anterior 92, tendo o número mais baixo sido em 1997 (47).

Quanto aos cidadãos nacionais expulsos do Canadá, outro dos países com políticas severas neste domínio, em 2011 foram expulsos 29 portugueses, contra 21 em 2010, 22 em 2009 e 13 em 2008.

O ano mais negro em matéria de expulsão de portugueses do Canadá foi o de 2007, com 46 cidadãos nacionais obrigados a deixar aquele país.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG