Aguiar-Branco diz que não houve utilização de viatura do Estado para fins partidários

O vice-presidente do PSD José Pedro Aguiar-Branco disse hoje à agência Lusa, no Porto, que "não houve utilização para fins partidários de qualquer viatura do Estado" na visita de Manuela Ferreira Leite à Madeira.

"Essa questão já foi explicada. Do que conheço, não houve utilizações para efeitos partidários de qualquer viatura do Estado. É a realidade", afirmou Aguiar-Branco, no final de reuniões com o presidente do Tribunal da Relação do Porto e do procurador geral distrital.

O cabeça-de-lista do PSD pelo círculo do Porto escusou-se a comentar as declarações de dirigentes do PS e do BE sobre a alegada utilização da viatura oficial de Alberto João Jardim.

Manuela Ferreira Leite terminou segunda-feira a primeira visita à Madeira com uma deslocação a uma das localidades mais recônditas da ilha e seguiu de "boleia" para o aeroporto no carro da Presidência do Governo Regional.

A questão do uso de um carro oficial do Governo Regional nas deslocações da líder do PSD, denunciado pelo PND/Madeira, acabou por marcar a visita de Ferreira Leite à Madeira, que começou o dia garantindo que não há no arquipélago, liderado há 40 anos por Alberto João Jardim, qualquer espécie de asfixia democrática.

O mandatário do partido na região, Miguel Sousa, garantiu que o seu carro pessoal serviu para as deslocações da líder social-democrata.

Pelo menos em dois momentos, Manuela Ferreira Leite apanhou uma "boleia" no carro oficial do Governo de Alberto João Jardim, o que causou a indignação do PND/Madeira.    

"Era o que faltava eu, agora, não poder convidar para o meu carro quem me apetecesse", declarou Alberto João Jardim quando confrontado com as críticas de que a líder nacional do PSD teria utilizado na sua deslocação à região viaturas oficiais em campanha eleitoral.

Manuela Ferreira Leite recusou comentar a polémica, mas o mandatário da campanha social-democrata na Madeira, Miguel Sousa, garantiu que as deslocações foram feitas em carro privado, havendo registo de duas utilizações do carro oficial de Jardim.

O assessor de imprensa do gabinete da presidência do Governo Regional confirmou que Manuela Ferreira Leite, após reunião na Quinta Vigia (sede da Presidência do Governo Regional), acedeu a uma "boleia" de Alberto João Jardim para o restaurante, onde almoçou com os candidatos a deputados à Assembleia da República, visto que o presidente do executivo insular seguiria de imediato para iniciativas públicas.

Após este almoço, a líder nacional do PSD marcou presença na cerimónia de homenagem ao mais antigo autarca do país, António Ramos, e na inauguração do Centro Cívico da Furna, no concelho da Ribeira Brava, transportada em viatura particular.

Para o aeroporto, Manuela Ferreira Leite foi novamente no carro de Alberto João Jardim.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG