Suspeito de ameaçar agente da PSP com arma de fogo foi detido pela PJ

O incidente aconteceu em fevereiro. O homem de 39 anos está indiciado pela presumível autoria de crimes de resistência e coação sobre funcionário, tráfico de estupefacientes e detenção de arma proibida

Um homem suspeito de ameaçar um agente da PSP com uma arma de fogo, em fevereiro, na baixa de Coimbra, foi detido pela Diretoria do Centro da Polícia Judiciária (PJ), informou hoje este organismo policial.

Em comunicado enviado à agência Lusa, a PJ afirma que o detido, de 39 anos, está indiciado pela presumível autoria de crimes de resistência e coação sobre funcionário, tráfico de estupefacientes e detenção de arma proibida, ocorridos a 23 de fevereiro na baixa da cidade de Coimbra.

De acordo com a PJ, o homem foi abordado por dois agentes da PSP por suspeitas de estar a traficar estupefacientes, tendo reagido "violentamente" e conseguido fugir após encostar uma arma de fogo ao corpo de um dos polícias, "ameaçando-o de morte".

A investigação do caso transitou para a Polícia Judiciária que, na recolha de prova efetuada, detetou e apreendeu estupefacientes "e alguns artigos relacionados com o tráfico de droga, nomeadamente uma estufa artesanal para produção e secagem de canábis", vindo a deter o suspeito.

O homem irá ser hoje presente a tribunal para determinação de eventuais medidas de coação, adianta a PJ.

Ler mais