Sistema de receita eletrónica já vigora em perto de 100 farmácias

Comprar medicamentos receitados pelo médico sem receita em papel já é possível. Receita eletrónica avança em Setúbal, Coimbra, Viana do Castelo e Beja

Perto de 100 farmácias de Setúbal, Coimbra, Viana do Castelo e Beja já começaram a dispensar medicamentos por receita eletrónica, sem necessidade de receita médica, dando cumprimento a um programa apresentado hoje em Setúbal pelo ministro da Saúde.

Para o ministro Paulo Macedo, trata-se de um passo importante num programa, que já estava previsto, que deverá estar concluído em junho, e de um sistema mais seguro para o cidadão.

"É um sistema mais seguro para o cidadão, porque por exemplo, tem duas ou três embalagens que lhe foram prescritas na mesma receita e vai-lhe permitir mobilidade de prescrição porque pode levantar uma hoje e daqui a cinco dias uma outra noutra farmácia o que até aqui não era possível", disse.

Hoje é o primeiro dia em que os leitores dos cartões de cidadão estarão a ser distribuídos nas farmácias nacionais. A total implementação deste projeto, cujo patrocinador é Mylan, a nível nacional terá a duração de 6 meses, ou seja, no final desse período todas as farmácias estarão equipadas com leitores de cartões.

Ler mais

Exclusivos