SEF fiscaliza transportes internacionais em Aveiro

O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) anunciou hoje que inspecionou duas dezenas de carreiras nacionais e internacionais de longo curso no distrito de Aveiro, para detetar casos de imigração ilegal.

A operação teve lugar no terminal rodoviário de Albergaria-a- Velha e, em comunicado divulgado hoje, o SEF enumerou que, na ação de identificação de cerca de 200 portugueses e 134 estrangeiros, detetou um menor desaparecido, notificou uma cidadã estrangeira para regularizar a sua situação, notificou um outro para abandonar o país no prazo de 20 dias e deteve um cidadão estrangeiro que havia estado instalado no Centro de Detenção para Imigrantes de Algeciras, em Espanha.

Este detido, sem documentos, possuía mais de 7.000 euros em dinheiro, alegadamente para comprar uma viatura em Portugal. Foi presente no Tribunal Judicial de Albergaria-a-Velha, que validou a detenção e mandou instalar o detido no centro de instalação de imigrantes, enquanto o SEF procede ao apuramento da sua identidade e aciona o Acordo de Readmissão entre Portugal e Espanha, tendo em vista a entrega do detido às autoridades espanholas.

O menor desaparecido encontrava-se institucionalizado no Centro Tutelar de Menores de Viseu, para onde foi reencaminhado.

No caso do cidadão estrangeiro notificado para abandonar voluntariamente o país no prazo máximo de 20 dias, sob pena de ser expulso coercivamente, foi também instaurado um processo de contraordenação de valor compreendido entre os dois mil e os dez mil euros pelo emprego de mão-de-obra estrangeira ilegal.

Estas ações contaram com a colaboração do Centro de Cooperação Policial e Aduaneiro de Vilar Formoso, unidade operacional conjunta das polícias espanholas e portuguesas.

Ler mais

Exclusivos