Processo de Manuel Vicente tem 49 volumes em papel

Portugal já enviou para Angola, em formato digital, a informação relativa ao antigo vice-presidente Manuel Vicente.

O processo em papel relativo ao ex-vice-presidente angolano Manuel Vicente tem 49 volumes, que ainda estão por enviar para Angola, informaram esta quinta-feira fontes judiciais.

Contudo, a Procuradoria-Geral da República já enviou toda a documentação em formato digital para as autoridades judiciárias angolanas, condensada em três DVD, adiantaram as fontes.

Quanto à versão em papel, são 33 volumes de documentos produzidos até 22 de janeiro deste ano - quando foi decidida a separação do processo relativo a Manuel Vicente - mais 16 relativos a apensos.

Esta manhã decorreram as alegações finais do MP no julgamento da Operação Fizz relativas aos arguidos Orlando Figueira, Paulo Blanco e Armando Pires - com a acusação a pedir penas de prisão suspensas para os primeiros dois e dizendo não haver provas em relação ao terceiro, embora sem requerer a sua absolvição.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Ferreira Fernandes

A Europa, da gasolina lusa ao palhaço ucraniano

Estamos assim, perdidos algures entre as urnas eleitorais e o comando da televisão. As urnas estão mortas e o nosso comando não é nenhum. Mas, ao menos, em advogado de Maserati que conduz sindicalistas podíamos não ver matéria de gente rija como cornos. Matéria perigosa, sim. Em Portugal como mais a leste. Segue o relato longínquo para vermos perto.Ontem, defrontaram-se os dois candidatos a presidir a Ucrânia. Não é assunto irrelevante apesar de vivermos no outro extremo da Europa. Afinal, num canto ainda mais a leste daquele país há uma guerra civil meio instigada pelos russos - e hoje sabemos, como não sabíamos ainda há pouco, que as guerras de anteontem podem voltar.