PGR não revela dados de violência policial

A PGR não cede o número de inquéritos abertos e arquivados, por violência policial, na comarca da Amadora, que o DN já pediu há mais de dois meses. A PSP não deixa consultar os processos disciplinares dos agentes de Alfragide, já arquivados

Logo que foi conhecida a acusação contra os 18 polícias da esquadra de Alfragide, o DN pediu à PGR dados sobre inquéritos abertos envolvendo violência policial na comarca da Amadora e o seu desfecho. A solicitação, feita a 14 de julho, partiu de informações recolhidas pelo DN, de que a maioria destas queixas são arquivadas. Passados mais de dois meses, e apesar das insistências regulares do DN, a PGR não facultou nenhuma informação sobre estes processos. Ao mesmo silêncio se tem remetido também a PSP, não autorizando o DN a consultar os processos disciplinares dos agentes. De acordo com a IGAI, os processos concluídos, como é o caso, são do domínio público.

Ler mais

Exclusivos