"Ondas de 11 metros". Dez distritos sob 'Aviso Laranja' 

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) colocou hoje sob 'Aviso Laranja' 10 distritos de Portugal continental devido à previsão para sexta-feira de forte ondulação, que pode atingir os 11 metros de altura.

Segundo o IPMA, os distritos do Porto, Faro, Setúbal, Viana do Castelo, Lisboa, Leiria, Beja, Aveiro, Coimbra e Braga vão estar sob 'Aviso Laranja' entre as 05:59 e as 23:59 de sexta-feira.

Durante aquele período, o IPMA prevê "ondas de noroeste com altura significativa de entre cinco e seis metros, sendo a altura máxima entre nove e 11 metros".

O 'Aviso Laranja', o segundo mais grave de uma escala de quatro, é emitido devido a uma situação meteorológica de risco moderado e elevado e é aconselhado às pessoas para se manterem ao corrente da evolução das condições meteorológicas e seguir as orientações da Autoridade Nacional da Proteção Civil.

Na terça-feira, a Autoridade Marítima Nacional alertou a comunidade marítima e a população em geral para a "previsão de ventos fortes e agravamento do estado do mar", aconselhando a adoção de medidas de segurança e de prevenção junto ao mar.

"Estas condições terão maior incidência na costa ocidental a partir do final do dia de quarta-feira, atingindo o seu pico máximo na sexta-feira", acrescentou.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Daniel Deusdado

"Petróleo, não!" Nesta semana já estivemos perto

1. Uma coisa é termos uma vaga ideia de quão estupidamente dependemos dos combustíveis fósseis. Outra, vivê-la em concreto. Obrigado aos grevistas. A memória perdida sobre o "petróleo" voltou. Ficou a nu que temos de fugir dos senhores feudais do Médio Oriente, das oligopolísticas, campanhas energéticas com preços afinados ao milésimo de euro e, finalmente, deste tipo de sindicatos e associações patronais com um poder absolutamente desproporcionado.