Mergulhadores explodem engenho ao largo das Berlengas

Três mergulhadores da Marinha desativaram o engenho explosivo que se encontrava à deriva

Os mergulhadores da Marinha inativaram, esta manhã, um engenho explosivo que se encontrava a cerca de 1 milha náutica (cerca de 1,8 km) a sul das ilhas Berlengas.

De acordo com um comunicado da Marinha, o alerta foi dado pelas 6:30 da manhã por uma embarcação de pesca que estava a operar naquele local e informou a Polícia Marítima de Peniche sobre o avistamento de um engenho à deriva.

Então, uma lancha da Polícia Marítima de Peniche deslocou-se para o local para realizar o acompanhamento da deriva do objeto e efetuar a interdição da área por questões de segurança à navegação.

Pelas 13:00, a equipa do Destacamento de Mergulhadores Sapadores da Marinha, constituída por três elementos, deslocou-se para o local numa embarcação do Instituto de Socorro a Náufragos para realizar a inativação do engenho por denotação. Como não foi possível confirmar a inscrição do engenho, os responsáveis da Marinha presumem que seria uma mina de fundear de exercício.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

Brand Story

Mais popular

  • no dn.pt
  • Portugal
Pub
Pub