Il Mercato recebe selo de autenticidade italiana

Prémio Ospitalità Italiana é entregue pelo instituto italiano de turismo. Chef Tanka está satisfeito com distinção

O restaurante Il Mercato abriu há um ano e meio pelas mãos de um chef nepalês e acaba de ser distinguido com a marca de autenticidade italiana, atribuída pelo Instituto Nacional de Investigação Turística, em colaboração com a Câmara do Comércio italiana.

O proprietário - que já tinha conquistado esta distinção com o restaurante Come Prima - confessou ao DN que esta distinção mostra que "não sendo italiano, se tivermos vontade de trabalhar chegamos lá". O chef Tanka, nasceu no Nepal, mas quando decidiu abrir um restaurante italiano em Lisboa soube que tinha de ser à séria. "O prémio Ospitalità Italiana é atribuído aos restaurantes que tenham um chef que tenha estudado em Itália, que usem produtos DOP e sigam as formas de cozinha italianas", explica.

Desde que abriu o Il Mercato que o chef Tanka queria este prémio. Junta-se assim a outros restaurantes italianos em todo o mundo (e também em Portugal) que têm uma certificação de autenticidade da cozinha transalpina.

Ler mais

Premium

João Almeida Moreira

Bolsonaro, curiosidade ou fúria

Perante um fenómeno que nos pareça ultrajante podemos ter uma de duas atitudes: ficar furiosos ou curiosos. Como a fúria é o menos produtivo dos sentimentos, optemos por experimentar curiosidade pela ascensão de Jair Bolsonaro, o candidato de extrema-direita do PSL em quem um em cada três eleitores brasileiros vota, segundo sondagem de segunda-feira do banco BTG Pactual e do Instituto FSB, apesar do seu passado (e presente) machista, xenófobo e homofóbico.